Dicas

Viajar de trem pela França

Os Pirineos e um Trem Amarelo. Miquel González on Flickr

Está em Paris e decidiu explorar o resto do país? Deixe o avião de lado e embarque em um trem! A malha ferroviária francesa é super completa e te leva para todos os cantos do país.

Você ainda aproveita para curtir a paisagem, podendo ainda fazer paradas estratégicas pelo caminho para explorar ao máximo o que a França tem a oferecer.

Além disso, se você souber comprar os bilhetes com antecedência e aproveitar as promoções, uma viagem de trem sai muito mais barato do que de avião.

Você não precisa ficar horas em filas de check-in ou controle de bagagem, e nem precisa cruzar a cidade para chegar ao aeroporto, pois os trens saem das regiões centrais de Paris.

Para te ajudar com passagens e rotas, montamos um pequeno guia de viagem de trem na França. Sem mais delongas, vamos lá!

Onde comprar passagens de trem

Você sempre pode comprar passagens de trem nas próprias estações, mas caso você queria se planejar melhor ou até mesmo economizar, pode comprar com antecedência em diversos sites da internet.

Listamos abaixo os mais importantes:

OUI.sncf – O sistema de trens da França é controlado pela empresa Société Nationale des Chemins de fer Français, ou SNCF, e no site oficial deles é possível comprar passagens com antecedência em todos os tipos de trens. Você pode também baixar o aplicativo para celular e ter o bilhete online na hora!

Omio – uma alternativa ao site da SNCF, o Omnio te ajuda a encontrar passagens de trem, ônibus ou avião de mais de 800 empresas! Uma mão na roda na hora de comparar preços e ver qual o caminho mais barato na hora de viajar. E eles têm um site em português também.

Eurail – essa empresa vende passes de trem flexíveis que podem ser usados em 31 países europeus. Você pode comprar por tempo (15 dias, 21 dias ou 1, 2 ou 3 meses) ou pelo número de zonas que vai cruzar, sendo que cada zona corresponde a um número de países. E se você tem menos de 26 anos, ganha um Youth Discount!

TrainLine – um site francês onde você pode encontrar todos os preços e horários de trens utilizando e comparar automaticamente os preços de diferentes bilhetes e operadoras ferroviárias. É a melhor forma de obter uma visão geral de passagens para o seu destino!

Devo comprar o bilhete com antecedência?

A resposta simples é sim, sempre que puder, compre com antecedência. A resposta mais completa é: depende do tipo de trem e do destino.

Veja os tipos de trem que percorrem as ferrovias francesas:

Trens de alta velocidade (TGV): Sim, reserve com antecedência. Os bilhetes para os trens de alta velocidade da França estão disponíveis para compra a partir de 90 dias de antecedência. Reservar mais cedo garante preços mais baixos, já que os valores aumentam à medida que a data de partida se aproxima. Por exemplo, um bilhete pode custar mais de 100 euros, mas se comprado com antecedência, pode custar apenas 30 euros.

Nos trens de alta velocidade, o seu bilhete só é válido para a hora específica impressa no seu bilhete. Você também terá um assento reservado, por isso não precisa validar sua passagem (mas eles podem pedir para ver um documento de identificação no trem).

NOTA: Seu bilhete mostrará o número do vagão e do assento, então certifique-se de que está no vagão certo (os trens estão claramente marcados).

Intercités (IC): Os trens Intercités são rápidos, mas não tão rápidos quanto os TGV, percorrendo geralmente distâncias mais curtas. Se comprados com antecedência, estes bilhetes também têm desconto.

Transporte expresso regional (TER): Esta é ao mesmo tempo uma marca comercial da SNCF e uma categoria de trens regionais que atendem cidades pequenas, como a região do Vale do Loire.

Em trens regionais/locais, você pode ter um bilhete físico. Certifique-se de que validou (ou seja, carimbou) o seu bilhete nas máquinas de validação da plataforma antes de entrar no trem. Uma dica: observe como os locais estão fazendo ou pergunte a alguém.

Se você se esquecer de validar, procure o controlador imediatamente e peça-lhe que o carimbe – se esperar até que ele chegue a você, pode receber uma multa.

Os trens regionais não têm reserva de lugares, por isso você pode sentar-se em qualquer lugar. No entanto, os Intercités tem lugares marcados no bilhete.

Artigo escrito para o BiciTrip.

Mariana Eberhard vive em Berlim, onde conclui um Ph.D. em sociologia do turismo. É jornalista e socióloga por formação, e atualmente é escritora e tradutora freelancer – traduzindo do Inglês, Espanhol e Alemão para o Português. Em seu tempo livre ela gosta de ler, perder tempo vasculhando a Netflix e descobrir os segredos da cidade onde mora.

0 comentário em “Viajar de trem pela França

Diga-nos sua opinião:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: